Skip to content

Estudo quebra gerações de mitos sobre depilação feminina

Estudo quebra gerações de mitos sobre depilação feminina

Muito se fala sobre depilação, e quando toca a fazê-lo com lâminas, há sempre o medo do pelo crescer mais espesso e em maior quantidade. Recentemente soube de um estudo sobre o assunto, desenvolvido pela Procter & Gamble, e resolvi partilhar convosco as conclusões do mesmo. Já sabem, tudo o que vos estou a dizer daqui para a frente é conteúdo desse mesmo estudo, nada foi escrito por mim.

***

85% das mulheres concluíram que na depilação com lâmina, os pelos não crescem de forma diferente. Com o objetivo de desmistificar os mitos de gerações, o estudo mostrou que os pelos das pernas não crescem mais grossos, mais fortes, mais escuros, mais rápido, nem em maior quantidade.

Foram testadas 24 mulheres, durante 84 dias, em que uma das pernas foi depilada com lâmina e a outra ficou por depilar. Durante três meses, as mulheres foram acompanhadas por uma esteticista e uma dermatologista, da Clínica Eurofins, em Aix En Provence, na França, que analisaram densidades, comprimentos, cor e textura.

Os mitos

“Os pelos ficam mais grossos!”: na verdade, tudo tem a ver com o formato do pelo. Ao cortarmos o pelo com a lâmina, a sua extremidade altera-se, ficando direita, dando assim a sensação de ser mais grosso. Mas ao fim de algum tempo, o pelo volta ao seu formato original.

“Os pelos crescem mais rápido!”: O crescimento é sempre igual, faça-se ou não depilação e seja qual for o método a que se recorra. Com a lâmina, ao não cortarmos o pelo pela raiz, o tempo até chegar à superfície é relativamente menor, daí que a ideia seja essa.

As vantagens da depilação com lâmina

Depilação com lâmina é um dos melhores métodos – é eficaz, rápido, seguro, sem dor, económico e fácil. Resultados de um estudo da Venus dizem ainda que, a nível mundial, 74% das mulheres recorrem à lâmina, ao passo que 21% prefere cremes e ceras e apenas 6% usa máquinas depilatórias.
“Mas eu não consigo depilar-me sem me cortar, é uma tortura!”. Na verdade, os cortes não têm de ser parte do processo de depilação com lâmina. Há quatro razões comuns que levam a estes cortes, mas há como evitá-los:

1. Usar máquinas com várias lâminas. Para que a pressão sobre a pele esteja dividida entre as lâminas e também para evitar repassagens por causa daqueles pelos que ficaram para trás;

2. Trocar de lâminas regularmente, pois as antigas tendem a apresentar imprecisões que podem magoar;

3. Evitar máquinas com cabos lisos: o controlo sobre a máquina é muito importante para escapar aos malfadados cortes;

4. E por fim, usa um bom gel depilatório, para que toda a área depilada esteja protegida. Fácil de usar e de transportar, o truque está apenas em escolher uma boa máquina. Idealmente com três a cinco lâminas, que permita uma depilação mais lubrificada, controlada e adaptada ao corpo feminino.

***

Estas são as principais conclusões deste estudo, com algumas dicas pelo meio. Eu sinceramente nunca fui de fazer depilação com lâmina, não por medo mas porque dura sempre menos tempo. A meu ver continua a ser um método muito prático, rápido e indolor. Mas…eu sou um bocadinho cética em relação à questão de não engrossar os pelos…porque sempre ouvi dizer que engrossava. Mas como nunca fiz com lâmina, não posso falar por experiência própria. Sempre fiz com cera e há cerca de dois anos comecei com laser e ADOREI. Já não tenho pelos, praticamente. E vocês, como costumam fazer?

Beijinhos,
Lara ♥

6 Comments

  1. A minha relação com os pêlos tem um bocadinho de ódio à mistura, por isso também já tinha pesquisado estas coisas todas e realmente são verdade. Principalmente a questão de nascerem mais grossos: apesar do que toda a gente pensa é mesmo só o facto de não os retirarmos pela raiz. A taxa de crescimento também é igual, mas os pêlos aparecem mais rápido porque já estão mesmo ao nível da pele, qualquer crescimento faz com que apareçam logo.

    Também fiz depilação a laser e foi a melhor coisa que fiz 🙂 Os pêlos que tenho já nem me incomodam e faço com gilete desde então – uma dica: faz esfoliação antes (deixa a pele muito mais lisa para a lâmina passar) e uso condicionador como “creme depilatório” 🙂 xx

    https://littleoneoblog.wordpress.com/

    • ilovegirlythings ilovegirlythings

      Essa do condicionador é uma boa dica, amei 😀 obrigada pela tua opinião, beijinhos ❤️

  2. Susana louro Susana louro

    Nao sou nada de acordo com esse estudo eu já fiz duarante algum tempo com lâmina os pelos estavam grossos picavam muito e tinha de fazer todos os dias . Para mim isso não dá sou fã de usar cera ou máquina

    • ilovegirlythings ilovegirlythings

      Sabes Susana eu nunca fiz com lâmina e estava curiosa para saber opiniões vossas 🙂 já tive pessoas a dizer me por mensagem q é assim como diz o estudo, se calhar depende muito de pessoa para pessoa… eu sempre fiz com cera e agora já praticamente não tenho pelos porque faço laser 😉 beijinhos e obrigada pela tua opinião ❤️

  3. Lili Carmo Lili Carmo

    Eu falo por mim, no meu caso…
    Acho ke tem haver kom o pelo e com o organismo de cada uma… na minha adolescencia tinha poukos pelos mas nao gostava claro e comecei a tirar kom lamina…
    Confesso ke engrossaram, xeguei a ter 2 pelos num buraco, fui no médiko e retirou.me a lamina… comecei a fazer kom cera ate hoje… a partir daí enfrakeceram e hoje tenho poukinhos e mtos lugares ja nem nascem…
    Isto foi o meu caso…
    Gosteiiii do post

    • ilovegirlythings ilovegirlythings

      Também acho que depende muito de pessoa para pessoa. O melhor para deixar os pelos é o laser, eu praticamente já não tenho nada 🙂 beijinhos

Deixar uma resposta

%d bloggers like this: