Skip to content

[Beauty] CelluBlue: A minha experiência

IMG_3146_1Não sei se se recordam de há pouco mais de um mês ter feito um post sobre o inovador CelluBlue, aqui. Hoje irei falar com mais pormenor sobre o CelluBlue, contar a minha experiência e dar-vos um pequeno miminho!

O CelluBlue é um copinho para sucção, feito com silicone médico hipoalergénico, concebido para o combate à celulite. Ao utilizarmos o copo ele reproduz os gestos da famosa massagem a vácuo, muito utilizada para combater esta nossa maleita que é a celulite. Ao massajarmos com o CelluBlue, iremos desencadear a lipólise, que corresponde à remoção de gordura pelos adipócitos, e activar e optimizar as circulações venosa e linfática.

Ora, eu recebi o copo há pouco mais de um mês, e já fiz as três semanas recomendadas de tratamento (até já fiz mais) pelo que já estou em condições de vos dizer o que achei do CelluBlue.

Primeiro vou vos dar o meu background no que diz respeito à celulite.
Comecei a ter celulite pouco depois de começar a tomar a pílula, por volta dos 18 anos. Sempre fui bastante magricela (agora já não tanto, mas aos 18 era bastante) mas a celulite, mesmo sendo magra, apareceu na mesma. Nunca tive celulite em muitos sítios, foi sempre nas pernas, mais precisamente nas coxas. Aos 18 ela só se notava quando eu apertava a pele, mas com o passar dos anos agravou um bocadinho e nos últimos tempos começava a notar-se ligeiramente, sem mexer na pele. Obviamente que no decorrer dos anos também engordei um bocadinho, mas mesmo assim o meu peso é considerado “normal” para a minha estatura, e continuo a ter celulite apenas nas coxas, felizmente. Já uso cremes anti-celulite há algum tempo e nunca achei que fizessem grande coisa, mas ainda assim continuo a experimentar marcas novas sempre que posso.

Enfim, estou certa que não sou só eu que sofro deste mal, não é? Por isso, quando ouvi falar do CelluBlue fiquei curiosa e ao mesmo tempo um pouco incrédula, porque não sou pessoa de acreditar em milagres…mas comecei a ler boas reviews do aparelho e fiquei curiosa.

Quando recebi o CelluBlue fiquei muito contente e ansiosa por testá-lo. O CelluBlue é muito simples e fácil de manusear. Quando o recebem vem junto com uma bolsinha de pano para que o possam guardar e levar sempre convosco, se quiserem. Além disso, é completamente lavável e podem fazê-lo com água e sabão, por exemplo. Sem problemas.

Para utilizarmos o CelluBlue devemos ter a pele preparada, ou seja, a pele deverá estar muito bem oleada, para que o CelluBlue deslize na perfeição, para uma maior eficácia e evitando assim desconforto na sua utilização. Por isso, é muito importante que ao adquirirem o CelluBlue já tenham convosco uma loção/óleo de massagem. Eu utilizei o óleo Johnson’s Baby, que sempre gostei e achei que funcionava muito bem, pois é bastante oleoso.

Então, de acordo com a marca, para massajarmos com o CelluBlue devemos fazer os seguintes passos:

Primeiro passo: Aplicar a loção/óleo de massagem na zona a tratar, e espalhar muito bem, até a zona ficar completamente oleosa.

Segundo passo: Aplicar o CelluBlue na pele:
1. Pressionar firmemente a parte lateral do CelluBlue e colocar, sem largar, na área escolhida.
2. Soltar lentamente a parte lateral do CelluBlue na pele, esta será sugada para o interior do CelluBlue.
3. Podemos controlar o nível de sucção, puxando o Cellublue para cima para libertar algum ar, o que vai reduzir a sucção na nossa pele.

Terceiro passo: Massagem com CelluBlue:
1. Após untarmos a zona pretendida do corpo e aplicar o CelluBlue como indicado no passo anterior, devemos movê-lo de baixo para cima durante 3 minutos (por exemplo, começar no joelho e movimentar o CelluBlue no sentido da virilha; quando chegar à virilha, levantar o CelluBlue e começar de novo no joelho) e, depois, da esquerda para a direita durante 1 minuto.
2. Fazer movimentos circulares por 1 minuto, sempre no sentido ascendente, de baixo para cima.
3. Para eliminar mais celulite, podemos terminar a massagem empurrando o CelluBlue para baixo e puxando-o para cima, sem o soltar da sua pele.
4. Cada área necessita de, pelo menos, 5 minutos de massagem. Podemos adaptar a duração de casa sessão, dependendo da área escolhida e da extensão da sua celulite. As sessões devem ser realizadas diariamente até atingir os resultados desejados (entre 15 a 20 dias, na maioria dos casos). Algumas mulheres vão observar resultados mais rapidamente do que outras, tudo depende da celulite.

Quarto passo: Após a massagem:
Após terminar a massagem da área ou áreas escolhidas, a marca recomenda vivamente que se beba 500 ml de água ao longo da hora seguinte após a utilização do CelluBlue.

Recomendações e chamadas de atenção da marca:

– O CelluBlue não deve ser utilizado sobre feridas ou cicatrizes ou caso sofra de algum tipo de doença dermatológica ou circulatória.
– É normal que a sua pele apresente vermelhidão devido ao aumento de fluxo sanguíneo na area tratada, originado pela sucção do CelluBlue. A vermelhidão desaparecerá após alguns minutos.
– Caso surjam pequenos hematomas, aconselhamos que reduza a sucção do seu CelluBlue, durante a massagem. Neste caso, pode realizar uma sessão a cada 2 dias, em vez de diariamente.
– Deve manter este objecto sempre fora do alcance das crianças, pois não se trata de um brinquedo.
– Pode lavar o seu CelluBlue com um pouco de sabão e água. Enxague bem depois da lavagem.

Já existe no Youtube alguma informação sobre o CelluBlue, e encontrei um vídeo que pode vos dar jeito se tiverem curiosidade de ver como se utiliza o copinho. Eu não filmei nada porque sinceramente não penso fazer videos para o blog, pelo menos tão cedo, mas de qualquer forma para mim seria um video de uma zona da qual não me sentiria confortável a mostrar. O video que encontrei e que mostra como se utiliza o CelluBlue é este.

Agora…a minha experiência.

Como vos disse, estava muito ansiosa para experimentar o CelluBlue, e posso dizer que o copinho azul superou as minhas expectativas. Continuo a dizer que não há ainda produtos milagrosos para o combate à celulite, mas o CelluBlue ajuda bastante.

Comecei a utilizar o CelluBlue ao mesmo tempo que iniciei alguns pequenos exercícios. Também costumo fazer caminhadas, mas fora isso não costumo praticar desporto. Os pequenos exercícios de que falei são exercícios localizados para as pernas, recomendados pela minha médica de clínica geral.

Sempre que utilizei o CelluBlue bebi sempre imensa água após o tratamento, tal como a marca sugere. Ao longo do dia também costumo beber água e chá, e intensifiquei esse ritual um bocadinho.

A minha primeira utilização do CelluBlue foi estranha; apesar de ter lido imenso sobre como aplicar, de ver videos e ler reviews, o certo é que quando somos nós, a primeira vez é sempre estranha porque necessita de adaptação, uma vez que não temos noção da força que se deve exercer na sucção da pele. Como ainda não sabia bem como fazer, apesar de ter oleado bem a pele, a massagem foi dolorosa. Isto aconteceu porque eu não soube regular bem o nível de sução, e estava a apertar demasiado o CelluBlue. Com o decorrer das utilizações fui aperfeiçoando a técnica e a dor passou a ser muito ligeira. Ao longo das primeiras duas semanas a dor foi mais intensa, mas sempre suportável, e passadas essas duas semanas começou a ser cada vez menor. Pelo que percebi e me explicaram, o desconforto causado pelo CelluBlue é normal e tem a ver também com o grau de intensidade da celulite, ou seja, quando mais tiverem mais desconforto terão, à partida. Com a utlização do CelluBlue a celulite vai ficando com melhor aspecto e consequentemente o desconforto passa a ser menor. Não se alarmem com isto da dor, porque não é mesmo nada que não se possa suportar, eu pelo menos achei suportável; a não ser claro que apertem mesmo muito o copinho, então é natural que vos doa mais.

Em relação a isto do desconforto, questionei a marca sobre esse assunto e tiraram-me todas as dúvidas, além de me dar algumas dicas:

– Olear muito bem a pele. Deve certificar-se que o CelluBlue desliza facilmente antes de começar a massajar. Se não estiver suficientemente oleada, torna-se doloroso.

– Faça uma massagem mais leve no início.
Sugiro que regule a pressão do copo para uma mais tolerável e que realize movimentos mais suaves. Infelizmente, nos casos de celulite mais profunda e mais incrustada, realizar a massagem pode ser desconfortável nos primeiros dias. No entanto, esse desconforto diminui com o tratamento.

– Para diminuir o desconforto e também evitar hematomas, realize a massagem de cima para baixo, no sentido da circulação sanguínea.

– A eficácia do CelluBlue não depende do nível de sucção. Muito pelo contrário. Se provocar um nível de sucção muito alto, vai ser muito doloroso e vai ficar com hematomas. Por isso, só deve provocar um nível de sucção com que se sinta confortável.

No final das primeiras duas semanas comecei a ver alguns resultados: A minha pele ficou mais firme e a celulite tinha um aspecto ligeiramente melhor. Ao fim das quatro semanas, já notava mesmo alguns pontos da coxa onde a celulite já não era visivel. Continuo a usar o CelluBlue e a celulite não desapareceu totalmente, mas acho que nestas coisas temos de ter paciência porque não há milagres, e acredito que daqui a mais um par de semanas o aspecto das minhas coxas será cada vez melhor.

Se utilizarem o CelluBlue de acordo com as instruções da marca, e fizerem um estilo de vida saudável, provavelmente terão bons resultados. No entanto, cada caso é um caso, e poderá haver pessoas com bons resultados mais rapidamente que outras.

Podem adquirir o CelluBlue através deste site. E como vos disse, tenho um pequeno miminho para vocês: Por serem minhas leitoras, têm direito a um código promocional que vos dá direito a um desconto de 4€ na compra de um CelluBlue. Basta utilizarem o código GIRLY na aquisição! Este código é válido até dia 31/01/2015.

Espero que tenham gostado da minha review, foi totalmente sincera!
Beijinhos e bom fim-de-semana,
Lara

Be First to Comment

  1. […] vou vos falar do Gel Anti-Celulite Sublime Body da L’Oreal. Nos dias que correm, graças ao CelluBlue, não tenho praticamente nenhuma celulite visível, mas sempre usei este tipo de produtos para […]

Deixar uma resposta

%d bloggers like this: